Leituras sobre Sofrimento Social

Inscrições abertas até 13/03!

 

Proposta

Os Seminários do Cedec – Leituras sobre o Sofrimento Social são parte da proposta de criação de um grupo de discussões e leituras coletivas sobre os temas que compõem a(s) teoria(s) social(is) e política(s) contemporânea(s). Sob a coordenação da professora Walquiria Domingues Leão Rego pretende-se, como parte de uma primeira rodada de reuniões, apresentar e discutir a obra de Emmanuel Renault, Souffrances Sociales. Philosophie, psycologie et politique (2008) [1]. Nos encontros quinzenais do grupo, as apresentações distribuídas entre a(o)s participantes serão seguidas pelo debate e discussão do texto indicado e definido previamente no cronograma de leitura dos Seminários. As reuniões ocorrerão às sextas feiras, entre às 14h e 18 horas, na sede do Cedec.

[1] Seguiremos a versão traduzida para o inglês da referida obra (Emmanuel Renault. Social Suffering).

Objetivo

Encontramos na obra Souffrances Sociales uma reflexão sobre como o sofrimento social pode ser definido tanto como problema político, quanto como parte de uma teoria social marcada por aspectos críticos e normativos. Com Renault aprendemos que o estudo da realidade vivida do sofrimento, ligada à dominação, tem o potencial de tornar mais inteligíveis os modos como agem sobre os sujeitos às práticas sociais fundadas na violência e na injustiça social. Pretende-se, como chave de leitura, testar a hipótese segundo a qual operar com o conceito de sofrimento social poderia compor esforços em direção ao refinamento sociológico e filosófico da apreensão do peso daquelas estruturas de dominação e exploração sobre os sujeitos sofridos. Em especial, pretende-se definir como o conceito de sofrimento social pode ser mobilizado, de um lado, na apreensão dos modos de sentir e viver dos sujeitos submetidos à experiência da pobreza extrema e, de outro lado, pode ser parte de um esforço de compreensão da produção sistemática da invisibilidade dos sujeitos que vivem no interior das estruturas de dominação e exploração.

Leitura básica

Renault, E. 2009. “Political Philosophy of Social Suffering”. In Boudewijn de Bruin and Christopher Zurn, New Waves in Political Philosophy. Basingstoke: Palgrave Macmillan

Renault, E. A Critical Theory of Social Suffering.Critical Horizons  A Journal of Philosophy and Social Theory, V. 11, n. 2., 2015.

Renault, E. Souffrances sociales. Sociologie, psychologie et politique. Paris: La Découverte, 2008. Tradução – Social Suffering: Sociology, Psychology, Politics. London: Rowman & Littlefield International, 2017.

Segue o link da inscrição para a participação nas Leituras: https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSfe0wQu2i3vW8ixnKzDu3B4CPtZtI9iF9mVATqzAXIaB7zxsg/viewform?usp=sf_link