Resenha de Tese – Crimigração como prática securitária no Aeroporto Internacional de Guarulhos (2010-2017)

A tese teve como objetivo compreender como ocorre o controle migratório dentro do aeroporto internacional Franco Montoro, localizado na cidade de Guarulhos, no estado de São Paulo. A prática securitária é o tratamento de uma questão como um problema de segurança, o que inclui o uso de táticas, instrumentos e agentes dessa seara em seu gerenciamento. A crimigração ou criminalização da imigração é uma das facetas desse tipo de técnica governamental, porque associa a política migratória com a política criminal.

Ensaio bibliográfico – Uma micropolítica da redemocratização: 7 livros sobre crime, segurança e prisão em São Paulo

Por Fabio Magalhães Candotti
Entre o fim de 2017 e o ano de 2018, foram lançados sete livros sobre crime, segurança pública e prisões em São Paulo. Escritos que podem ser considerados frutos maduros de engajamentos intelectuais variados e crescidos ao longo de duas décadas, em meio a diálogos intensos entre si. A proximidade das publicações expressa um processo comum e mais amplo, cuja potência encontra-se na sua diversidade, capaz de tornar compreensíveis diferentes processos de transformação histórica que atravessaram a vida paulista e brasileira das últimas décadas. Processos que aí estão, muito vivos, talvez em seu momento mais luminoso e terrível.

Resenha de: LINDGREN-ALVES, José Augusto. É preciso salvar os direitos humanos. São Paulo: Perspectiva, 2018.

Por Carla Vreche
O atual cenário político internacional é bastante diverso daquele dos anos 1990 e início do século XXI, no qual os direitos humanos eram tidos como tema de importância global. Sem dúvidas, algo está mudando desde então. Com discursos que contestam a relevância desses direitos, o crescimento da direita populista e a narrativa do “cidadão de bem” são marcas expressivas de nosso tempo. Intrinsecamente relacionados, esses eventos dão base ao apelo feito por José Augusto Lindgren Alves: É Preciso Salvar os Direitos Humanos!

Qual o preço da privacidade do cidadão brasileiro?

Por  Thatiane Faria Oliveira Moreira
A agenda de privatizações do atual governo brasileiro inclui, entre as estatais que estão na mira para serem vendidas, duas empresas pouco conhecidas da maioria dos brasileiros. Ambas, entretanto, detêm informações sensíveis dos cidadãos, já que atendem com serviços de Tecnologia da Informação (TI) os principais órgãos governamentais. Trata-se da Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência (Dataprev) e do Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro).

A relevância da América Latina na administração Trump: discurso e realidade

Por Luis Fernando Ayerbe
No ensaio intervencionista trumpiano, contrapontos entre discurso e realidade demarcam os alcances das relações com a América Latina. Retóricas inflamadas em tons de Guerra Fria pretendem erigir inimigos e ameaças, sem a correspondente disposição de recursos para o exercício da política externa, que se pretende compensar com a convocação de aliados dispostos a assumir os custos de incerto protagonismo.

Súmula bibliográfica – Pensamento Político e Social Brasileiro

Publicações das áreas de Pensamento Político e Social Brasileiro em periódicos nacionais e internacionais de janeiro a junho de 2019. BOTO, Carlota. A intelectualidade paulista, o Manifesto dos Pioneiros e a Universidade de São Paulo em sua primeira “missão”. Estudos Avançados, São Paulo, v. 33, n. 95, p. 19-34, jan. 2019. GALVÃO, Walnice Nogueira. Centenario de Antonio Candido: pasión secreta. Casa … Ler mais

Súmula bibliográfica – Movimentos Sociais

Publicações da área de Movimentos Sociais em periódicos nacionais e internacionais de fevereiro a junho de 2019. ABERS, Rebecca Neaera. Bureaucratic Activism: Pursuing Environmentalism Inside the Brazilian State. Latin American Politics and Society, v. 61, p. 21-44, 2019. DUBET, François. Touraine: le sujet contre le système. Lua Nova, São Paulo, n. 106, p. 15-35, abr. 2019. FESTI, Ricardo Colturato. … Ler mais

O governo Bolsonaro em seu nono mês: tentativa de interpretação

Por Christian Edward Cyril Lynch
O atual governo, em seu nono mês, já dá alguns sinais de ter estabelecido um padrão ostensivo de governança diferente do velho presidencialismo de coalizão da Nova República. Este pequeno ensaio em duas partes tenta descrever a teoria de ação por ele adotada nos seus primeiros oito meses, sem qualquer pretensão de examiná-lo em sua totalidade.

Súmula bibliográfica – Teoria Política e Filosofia Política

Publicações das áreas de Teoria Política e Filosofia Política em periódicos nacionais e internacionais de janeiro a junho de 2019. ADAMS, Suzi. Beyond a socio-centric concept of culture: Johann Arnason’s macro-phenomenology and critique of sociological solipsism. Thesis Eleven, v. 151, n. 1, p. 96–116, 2019. ADLOFF, Frank. Practices of Conviviality and the Social and Political Theory of Convivialism. … Ler mais