“O equilíbrio entre a acusação e defesa é rompido e compromete a imparcialidade da Justiça”, afirma Fábio Kerche

Em 2018, a revista Lua Nova publicou “Ministério Público, Lava Jato e Mãos Limpas”, de autoria de Fábio Kerche (FCRB/UNIRIO/IESP-UERJ), que já discutia a proximidade e sintonia entre o então juiz federal Sérgio Moro, atual ministro da Justiça e da Segurança Pública, e os procuradores responsáveis pelas investigações da Operação Lava-Jato.

Resenha de: ROCCA, Pablo (Ed.). Conversa cortada: a correspondência entre Antonio Candido e Ángel Rama: o esboço de um projeto latino-americano: 1960-1983. Rio de Janeiro: Ouro sobre Azul; São Paulo: Edusp, 2018.

Por Max Gimenes
A correspondência entre dois indivíduos, documentação de caráter privado, torna-se de interesse público na medida em que revela informações sobre histórias de vida extraordinárias, sobre o funcionamento de uma área de atuação específica em determinado momento ou sobre a gênese e o processo de elaboração de uma obra. Nesse caso, o que poderia ser simples meio de comunicação circunstancial ganha relevância histórica e se transforma em importante fonte primária de pesquisa para especialistas e de conhecimento geral para o público mais amplo.

Raça e gênero no mercado de trabalho: a persistência das desigualdades

Por Bárbara Castro
Há um esforço contínuo nas ciências sociais e econômicas para compreender como as desigualdades sociais se produziram em nossa história e persistiram ao longo dela. As análises buscam apreender de que maneira se organizou uma profunda estrutura de desigualdades no país, avaliar a atuação de diferentes atores sociais na sua reprodução, as formas de seu enfrentamento pelo Estado e mobilizar propostas ou caminhos para buscar sua superação.

Os 30 anos do massacre da Praça da Paz Celestial e o novo ativismo político na China

Por Maurício Santoro
Há 30 anos, ocorreu o massacre da Praça da Paz Celestial em Pequim, no qual o governo da China desmantelou com tanques de guerra o maior movimento de protesto da história contemporânea do país. Os números de mortos são incertos, mas estima-se que tenham sido em torno de 3 mil, seguidos de uma onda de repressão política que encarcerou dezenas de milhares de pessoas.

Clássicos Lua Nova – Intuição e fantasia para a educação de todos

Clássicos da Lua Nova
Por Marília Garcia e Edison Nunes

Em alguma época de nossas vidas, quem sabe na escola, já ouvimos falar de Paulo Freire e seu famoso método de alfabetização. Os mais velhos ainda se lembram do furor que ele fez nos anos 60, inovando a concepção de alfabetização e de educação popular no Brasil. A proposta básica desse método era a educação pela conscientização política através da alfabetização. Ou, como ele prefere dizer, o ensino da palavra a partir da compreensão do mundo onde a palavra surgiu e existe.

1 2 3 4 5 15